Bouquet e boutonnière de Gypsophila

A Gypsophila, conhecida pelas variedades; Véu de noiva, Mosquitinho, Áster ou então, Chuva de prata é uma flor que combina perfeitamente com celebrações campestres, delicadas e românticas. Além disso, sua espécie não demanda muitos cuidados, o que a torna perfeita para quem não tem habilidade nenhuma com confecções de bouquet, então se o seu casamento terá um tema bucólico e sua intenção é economizar montando seus próprios arranjos, siga alguns passos e invista nesta pequena flor.

Materiais:

– Flores da espécie Gypsophila, (a quantidade vai variar de acordo com o tamanho que você deseja que tenha seu bouquet),
– Tesoura,
– Arame para flores ou fita floral,
– Fitas de cetim, organza e/ou renda,
– Alfinetes.

Instruções:

– Comece separando os galhos, corte-os para que fiquem de um tamanho parecido,
– Depois, tire as folhas e as flores murchas/mortas,

– Junte-os na mão, começando pelos galhos maiores, e aos poucos, acrescente os galhos menores formando um arranjo bem cheio e de topo arredondado,
– Quando o tamanho for satisfatório, amarre ou torça um arame em volta das hastes de um modo que fique bem firme,
– Feche a mão sobre os caules e corte-os para que fiquem do mesmo tamanho,

– Em seguida, envolva-os por fitas de cetim e rendas,

– Para finalizar, você pode fazer um laço com a própria renda que usou ou prender com alfinetes.

– Para fazer os boutonnières, siga os mesmos passos do bouquet, mas use somente os galhos de no máximo 10cm de comprimento.

Projeto: Tracey do Campbell’s Flowers para Boho Weddings

About Carla Antoni

Olá eu sou Carla Antoni. Formada em Design de Moda e amante da gastronomia; amo aproveitar meu tempo com receitas, moda, beleza, artesanatos e decorações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *