A temida festa de casamento

Todos os casais que eu conheço (inclusive eu) teve ou tem o mesmo problema na hora de planejar um casamento; o orçamento! Sejamos realistas, a minoria pode se dar ao luxo de planejar o casamento dos sonhos sem pensar no preço final, então se você nasceu rica, o papai vai bancar tudo e seu problema não é dinheiro, me desculpe, mas esse post pouco lhe interessará.

Mas se você assim como eu, precisa calcular os custos pra se garantir e não ficar com a conta vermelha no final do mês, existem dicas básicas para não se perder.

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-01

1) A lista de convidados:

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-a-lista-de-convidados-01

Primeiro de tudo, aprenda a dizer não, não tenha vergonha, nunca é fácil, principalmente se existem pessoas das quais você gosta e que fazem questão de ir ao seu casamento, mas lembre-se: Quem vai casar (e principalmente pagar) é você, e mais ninguém (além de você) sabe o quanto esse dinheiro pode fazer falta lá na frente. Para quem tem dinheiro e não tem necessidade de limitar o orçamento da festa é muito fácil dizer que “fica chato” deixar de convidar algumas pessoas, mas não esqueça, chato é você convidar e depois essas mesmas pessoas saírem reclamando da festa, por falta de comida, lugar pra sentar e etc.

Mais convidados, significa mais gastos, e a conta só sobe!

Eu sempre escuto amigas comentando que a mãe faz questão de chamar aquela tia-avó que você não vê desde que tinha 3 anos, (e que por sinal nunca te ligou desde então), se a sua mãe faz tanta questão de que ela vá, então peça uma ajuda e deixe bem claro que se ela faz questão, então que ajude na hora de pagar. Sempre ouço que as pessoas só entendem quando dói no próprio bolso, então experimente essa técnica.

2) O vestido:

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-o-vestido-01

Tudo que é relacionado á casamento tem um poder apelativo, isso significa que tudo será mais caro, inclusive o aluguel de um vestido que você usará uma única vez!

Se você pesquisar, verá que muitas vezes sai mais barato mandar fazer o vestido do que alugar um pronto, sério! E se você conhece uma ótima costureira de bairro, então seus problemas estarão mais do que resolvidos, mas se você não conhece, que tal customizar o seu? Escolha aquele vestido que você amou da liquidação do réveillon daquela loja que você adora, e mande bordar, costurar, plissar, tingir, o céu é o limite! Em qualquer armarinho de costura existem pérolas, cristais, rendas, apliques e fios, um mais lindo que o outro, basta ter força de vontade e bom gosto!

3) O convite, o bouquet e a papelaria:

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-a-papelaria-01

Quem disse que é cafona preparar os próprios convites, menus, tags e etc? Para economizar é preciso arregaçar as mangas e meter a mão na massa! Inúmeros sites inclusive o meu ensina a fazer, então não há desculpas.

E quem não pretende gastar horrores com o bouquet e os boutonnières (flor da lapela), basta conferir o que compartilho com tanto carinho!

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-o-bouquet-e-a-flor-da-lapela-01

Aqui eu reuno tudo que encontro de mais lindo quando se trata de casamentos!

4) A comida:

Eu não aconselho que você prepare seu próprio menu, afinal quem é que quer ficar na cozinha durante a própria festa de casamento? Nesse caso convém contratar um buffet, (que não precisa ser de comidas requintadas, existem vários pratos únicos, como massas e crepes, que são super democráticos pois são servidos com inúmeros recheios/molhos e agradam á todos). Mas se seu orçamento é realmente limitado, uma alternativa barata e simples, é você mesma preparar tudo que será servido no dia anterior e contratar apenas garçons e copeiros para servir.

Só não vale deixar os convidados com fome, nada de servir só salgadinhos e fingers foods, isso não enche barriga!

5) A igreja e o cartório:

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-a-igreja-01

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-a-igreja-02

Para quem vai casar na igreja, lembre sempre de se programar com bastante antecedência, pois muitas tem lista de espera com mais de 2 anos, fora a questão da paróquia, (no caso de igrejas católicas), não adianta nada você amar uma igreja e depois descobrir que ela não é da mesma paróquia da qual você foi batizada, e em alguns casos vocês ainda vão ter que fazer uma “entrevista” com o padre, pra ver se ele os aprova como casal. Então corra com a papelada, não dá para decidir casar e achar que vai conseguir resolver tudo em 1 mês, o casamento na igreja não dispensa o casamento no cartório, e essas coisas demoram meses para ser agendadas, vocês precisam de certidão de nascimento atualizada, aprovação de 2 testemunhas, documentação de todos os padrinhos, (isso só para agendar a data), documentos em mãos e disponibilidade para ir assinar toda a papelada. Ufa!

7) O salão/local, a decoração e o som:

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-a-decoracao-01

Nada mais divertido e gostoso do que aquele lugarzinho aconchegante e com a nossa cara! Mas se você sonha com um salão de princesa, com pista de dança, iluminação e tudo o que você tem direito, então essa é a hora de gastar, não dá pra fugir muito da realidade e um lugar desses realmente custa dinheiro e MUITO!

Mas se o seu negócio for uma festa intimista, descontraída, e com a cara do Verão, opte por espaços abertos, eles são super agradáveis e dispensam decorações carregadas, o que é mais um ponto positivo para quem precisa economizar.

Para a decoração prefira sempre as flores da época, que são infinitamente mais baratas; se puder escolha um lugar com mesas bonitas, elas dispensam o uso de toalhas. E nessa hora não economize a mulherada da família, convoque todas para montar os arranjos e ajudar na decoração!

Já o som pode ficar por conta de uma bela seleção escolhida por vocês e gravadas em um pen drive. Basta se certificar que o local possua aparelho sonoro com entradas compatíveis e auto falantes para garantir a distribuição uniforme do som.


Essas são dicas simples que ajudam muito na hora de preparar cada detalhe, mas não se esqueça de ser super organizada, utilize agendas, marcadores, computadores e programas para não esquecer de nenhum detalhe. Um que sempre me ajuda é o Trello, você pode incluir usuários e compartilhar sua agenda, com quem você quiser.

E lembre-se de não desanimar se algum detalhe não sair exatamente como você imaginou, isso faz parte do “processo do casamento” e nem sempre tudo fica exatamente como queremos!

O importante mesmo é ser feliz!

um-doce-dia-a-temida-festa-de-casamento-02

Fotografia: Eric Kelley

About Carla Antoni

Olá eu sou Carla Antoni. Formada em Design de Moda e amante da gastronomia; amo aproveitar meu tempo com receitas, moda, beleza, artesanatos e decorações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *